27/06/2016

Resenha: O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias - Douglas Adams

Título: O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias
Autor(a): Douglas Adams
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 672
Sinopse: Pela primeira vez, reunimos em um único volume os cinco livros da cultuada série O Mochileiro das Galáxias, de Douglas Adams. Com mais de 15 milhões de exemplares vendidos, a saga do britânico esquisitão Arthur Dent pela Galáxia conquistou leitores do mundo inteiro. O humor ácido e as tramas surreais de Douglas Adams se tornaram ícones de uma geração e seguem fascinando - e divertindo - leitores de todas as idades. Pegue sua toalha, embarque nessa aventura improvável e, é claro, não entre em pânico! [leia mais no skoob]





Então após longas duas semanas eu, finalmente, terminei a leitura de O Guia Definitivo do Mochileiro das Galáxias. Ainda não sei definir exatamente o que foi, para mim, essa leitura. São os cinco livros da saga em um único volume que quando foi chegando ao final eu já não aguentava mais ouvir falar sobre a vida, o universo e tudo mais. Há que diga que ficção cientifica não é um gênero literário muito legal, e mais ainda: que não se pode misturar ficção cientifica com comédia. Certamente quem faz tal afirmação nunca leu O Guia do Mochileiro das Galaxias. Eu mesma nunca fui muito fã desse gênero no que diz respeito a livros, sempre preferindo os filmes, entretanto agora posso dizer que estou mudando de ideia e que a leitura de sci-fi pode sim ser engraçada (as vezes). Além de um toque de comédia o livro também tem aventura, então para quem gosta desse elemento pode acabar gostando desta trilogia de cinco. Dos cinco livros o que se tornou meu favorito foi o segundo (O Restaurante no Fim do Universo) e senti grande simpatia pelo quarto volume (Até mais, e Obrigado pelos peixes!) pela personagem inserida neste volume (e infelizmente somente neste).

A obra é narrada por um narrador onisciente que, algumas vezes, gosta de esconder alguns detalhes do leitor mas que outra nos conta coisas que parecem ser bem inúteis e sem sentido mas que em algum momento irá se revelar importante. O meu maior problema com a narrativa do livro foi em alguns momentos que é bem descritiva, mesmo que rápida. Talvez por eu não ser uma leitora de ficção cientifica tenha estranhado. No início achei que seria apenas no primeiro volume e que logo me acostumaria mas infelizmente não foi assim. No que a leitura ficou chatinha com as descrições ela acertou nos diálogos, que além de dar o toque de comédia também é o mais ajuda o leitor a se conectar com os personagens de alguma forma.


O livro tem quatro personagens principais: Arthur Dent, Ford Prefect, Zaphod Bbeeblebrox e Trillian Mcmillan. Ao longo dos livros alguns personagens somem e reaparecem, mas Arthur sempre acaba sendo o foco principal. Apesar de gostar muuuito de Zaphod me senti muito mais empatica com Arthur, principalmente por ele ser terrestre (assim como Trillian) e leigo em todos os assuntos no que diz respeito a galaxia, universo, viagem no tempo e tudo mais. Mesmo depois de tanta coisa que ele passou ainda tinha coisas que ele não compreendia e acho que eu me senti da mesma forma mesmo após ler os cinco volumes. Entretanto, o personagem que mais gostei foi o robô depressivo Marvin. É uma pena que o autor não usou ele mais nos livros, fazendo dele somente o quebra galho. Apesar de algumas ressalvas acho que vale a pena ler o livro, mas acho que os leitores não deveriam fazer de uma única vez. Dê um tempo entre um volume e outro, caso contrário a leitura pode ser tornar um pouco massante e enjoativa.
— Ah, a vida — disse Marvin, lúgubre. — Pode-se odiá-la ou ignora-la, mas é impossível gostar dela.  

5 comentários:

  1. Oi Sil!

    Sempre tive vontade de ler esses livros mas nunca tive a oportunidade. Meu desejo diminuiu depois que vi o filme e desde então, nem me lembrava mais de querer lê-los...

    Gostei da sua resenha, mas acho que eu não começaria a ler o Guia de uma vez... mesmo com todas as obras num único volume, eu leria um livro por vez para não ficar enjoada da história.

    Ótima resenha! Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  2. Oi Silviane! Então nunca tinha ouvido falar nesse livro! Eu até que gostei da resenha, porém esse tipo de leitura não me atrai.

    Um beijo Lyh

    Rascunhos da Lyh

    ResponderExcluir
  3. Oiii Silviane, tudo bem?
    Ainda não li a série completa, mas estou querendo com toda certeza <3 Além do mais, essa obra está na minha listinha para comprar junto, sua resenha está incrível.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Menina, que corajosa você, ler todos os volumes em uma sentada.. hahahaha Eu li todos espaçadamente, porque apesar de a história ser boa, ela é um pouco cansativa. A trama em si tem um humor meio tosco, que é engraçado, mas que aparenta não ter profundidade se você ler um atrás do outro. rsrs
    Eu não releria essas obras, mas com certeza recomendaria, é bom conhecer autores que fogem da minha zona de conforto. E como amo ficção, foi uma boa pedida.
    Sobre essa edição única, ela está linda, e eu amaria ter na minha estante!
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Sil!
    Já tive curiosidade em ler essa série (antes da Arqueiro fazer essa reunião de todos os livros em um volume único. Contudo o interesse foi murchando pq o pessoal sempre comentava que os dois primeiros livros eram bem legais, mas que a partir do terceiro a coisa começava a ficar repetitiva e a leitura se arrastava.
    Você foi uma verdadeira heroína lendo o livro todo sem dar um intervalo entre um e outro.Hahaha
    Eu não leria, mas meu noivo é doido pra ler e acho que a leitura funcionaria bem pra ele.
    Beijos

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, volte sempre! :)