24/12/2015

Resenha: Guardião - Mari Scotti

Título: Guardião
Série Neblina e Escuridão, vol. 2
Autora: Mari Scotti
Editora: Novo Século
Ano: 2015
Páginas: 366
Sinopse: Ellene finalmente enfrenta o homem de seus pesadelos e descobre que eles têm mais em comum do que esperava. Ao mesmo tempo,o Guardião Millosh, determinado a recuperar sua rainha e a segurança de seu reino, se vê sozinho ao deparar-se com traições e precisa confiar em seu inimigo para continuar sua busca por respostas.
Unidos pelo passado, Millosh e Ellene são surpreendidos por um sentimento poderoso, impossível... e inesquecível. A determinação deles será colocada à prova, bem como a lealdade à raça. E lhes resta apenas a coragem ao se deparar com as revelações que os aguardam.
No segundo livro da destacada série Neblina e Escuridão, amor e consciência não deveriam seguir o mesmo caminho.



Não sei se já disse isso aqui no blog mas, acho muito difícil falar de um livro que eu gostei muito pois, minhas palavras nunca parecem ser o suficiente para demonstrar pra vocês o que eu senti. Isso com certeza vai acontecer na resenha de hoje. 

Guardião continua a história de Híbrida, exatamente de onde parou. Ellene se encontra com Milosh finalmente e vai descobrir que ele não é completo monstro com quem sonhou a vida toda. Já Milosh, vai se ver no meio de intrigas e traições, sem saber o que fazer ou em quem confiar. O cerco está apertando cada vez mais e o rei dos renegados está disposto a pegar o trono para si; Milosh precisa correr contra o tempo e enfrentar o que vier pela frente para poder encontrar a rainha Elizabeth, colocar ordem no reino, se recuperar e ainda ajudar Ellene. Tudo seria mais fácil se uma inesperada atração não surgisse no meio da história, fazendo com que sentimentos muitos fortes surgissem e uma confusão tomasse conta da mente de todos. 

Mais um livro maravilhoso da Mari Scotti e que com toda certeza abalou minhas estruturas e me deixou sem chão, sem ar, sem saber o que fazer com tantas emoções dentro de mim. Eu gostei de Híbrida sim, mas o que Guardião me proporcionou foi muito maior, foi perfeito. E a história nem acabou ainda, imaginem! 
Como não gosto de dar spoilers gratuitamente, não vou poder dizer o porquê de tanta euforia, afinal, pra entender minhas reações a pessoa teria que ter lido mas, posso dizer que me surpreendi com cenas extremamente sensuais e instigantes, fiquei aflita com descobertas e cenas de ação, furiosa com algumas revelações e chorei, chorei muito ao chegar no final do livro. Minha primeira reação foi ir atrás da Mari pra desabafar (por desabafar entende-se xingar, dar piti e prometer matar alguém), a segunda reação, que se estende até agora, foi entrar em estado de luto ou de hibernação até sair o próximo livro. 

E digo mais: Mari se superou! Já li cenas de sexo explícito escritas por ela e por outras pessoas, mas nada se compara a cena de pegação que ela pôs nesse livro. Não há sexo, só uns amassos quentes e mesmo assim foi muito mais hot pra mim do que qualquer outra coisa. Não se preocupem, o livro não gira em torno disso, mas foi um cena escrita tão perfeitamente que eu não poderia deixar de comentar. 

Quanto aos personagens, houve um crescimento e amadurecimento geral dentre todos. Ellene apesar de ainda ter algumas atitudes infantis totalmente compreensíveis, me conquistou muito mais neste livro e não me irritou, pelo contrário, me vi virando fã da mestiça e primeira defensora de seus direitos e desejos. Milosh continua lindo, perfeito, maravilhoso e só estou esperando ele se tornar um homem real e me pedir em casamento (desculpa mor). Os lobisomens tiveram um pouco mais de destaque e serviço e se mostraram a altura de tudo, ganhando mais ainda minha simpatia. 
Só algumas pessoas que resolveram voltar dos mortos e me tiraram do sério. RS 

A história continua sendo muito bem escrita do início ao fim e mesmo não dando respostas suficientes pra todas as milhares de perguntas que temos, não da pra ficar bravo com isso. Não vejo a hora de sair o terceiro volume e poder terminar de ler essa história maravilhosa! Enquanto não é lançado, me vejo indo em direção a um hospício para poder lidar com esse turbilhão de sentimentos. 

6 comentários:

  1. Natháliiiiiaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa! Um hospício vem bem a calhar, hm?! Hahahaa. Amei a sua resenha e, nossa, fiquei super feliz em saber que gostou da cena do metrô! É uma das minhas preferidas desse livro, essa e a do vestido... aquela... que mostra a marca de nascença dela e tal :P
    Obrigada de verdade pelo carinho, pela animação e por me deixar tão feliz com esse super presente de Natal!
    Espero que seu Natal seja incrível!
    Obrigada <3
    beijão, Mari Scotti

    ResponderExcluir
  2. Oi Nath!!!!

    HAAAA que inveja danada de grande de vc! *o* Eu quero meu Guardião :'( rsrsrsrsrsr

    Adorei a resenha, Mari está se superando em todos os livros neh? Adoro a pessoa e escritora que ela é!

    Bjo bjo^^

    ResponderExcluir
  3. Nat!
    Acabei fechando parceria com a autora e já estou ansiosa pela leitura do livro que deve ser mesmo maravilhoso!

    “Não esqueça que Natal não é do Papai Noel tão pouco para ganhar presentes materiais, mas é a data que recebemos o melhor presente para nossa existência, Jesus!” (Rogério Stankewski)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/
    Participem do nosso Top Comentarista de Dezembro, serão 6 livros e 3 ganhadores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A parceria foi só pros livros em ebook flor. Mas espero que goste deles também. <3

      Excluir
  4. Amai a capa, gosto de capas com ar de mistérios. Sou parceira desta editora mas não me lembro desta série, agora fiquei com a curiosidade aguçada. Também tenho o mesmo sentimento quando vou ter que resenha livros que gosto demais, aquela necessidade de tentar transmitir a outros leitores o quanto a obra é maravilhosa e vale mesmo a pena a leitura.
    Parabéns!!
    Abraços,

    Gisela
    @lerparadivertir
    Ler para Divertir

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita, volte sempre! :)